Microfones de Fita Greenbox Velvet 1549 - Par Casado - Ribbon Mic Matched Pair

Clique no botão ao lado para assistir o video relacionado ao produto.

Assistir Video

Microfones de Fita Greenbox Velvet 1549 - Par Casado - Ribbon Mic Matched Pair

Código: ABTFE869T
R$ 7.409,90
até 10x de R$ 740,99 sem juros
ou R$ 6.891,21 via Pix
COMPRAR Estoque: 10 dias úteis
    • 1x de R$ 7.409,90 sem juros
    • 2x de R$ 3.704,95 sem juros
    • 3x de R$ 2.469,96 sem juros
    • 4x de R$ 1.852,47 sem juros
    • 5x de R$ 1.481,98 sem juros
    • 6x de R$ 1.234,98 sem juros
    • 7x de R$ 1.058,55 sem juros
    • 8x de R$ 926,23 sem juros
    • 9x de R$ 823,32 sem juros
    • 10x de R$ 740,99 sem juros
  • R$ 6.891,21 Pix
  • R$ 6.891,21 Boleto Bancário
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

Par Casado Microfones de Fita Bidirecionais Velvet 1549

Por ser passivo, este microfone não necessita de Phantom Power.

O Velvet 1549 é equipado com um transformador de áudio com núcleo toroidal nanocristalino, proporcionando uma textura com timbre aveludado e macio. O elemento da fita é de alumínio puro, importada do Japão.

A sonoridade do Microfone de Fita Bidirecional Velvet 1549 (Ribbon Mic) apresenta um equilíbrio entre as frequências, dando uma sensação de profundidade incrível.

Seu corpo é confeccionado 100% com aço inox 304, com um acabamento brilhante polido, o que dá um charme muito peculiar ao microfone. Acompanha case de madeira maciça e Shock Mount.


Recomendamos utilizar cabos balanceados no Velvet 1549 e não ativar o Phantom Power 48V em hipótese alguma.

 

Por que usamos transformadores toroidais de núcleo nanocristalino no Microfone de Fita Bidirecional Velvet 1549?

Antes de responder a essa pergunta, falaremos um pouco sobre o metal nanocristalino.

Metal Nanocristalino

São materiais magnéticos formados por grãos de dimensões em torno de 5-10 nano-micro, imersos em uma material amorfo consistindo de Fe, Si, B e pequenas quantidades de Cu e Nb.

Sendo assim, nanocristalino porque o produto final tem característica e aparência de metal, porém se comporta como vidro.

Os materiais nanocristalinos são feitos através de um processo de resfriamento do material depois de fundido a uma razão de proporção de 1 milhão de graus por segundo, e no processo de resfriamento não há tempo para os átomos se reconstituírem em sua forma estável.

Os transformadores toroidais têm propriedades magnéticas quase perfeitas, reduzem as fugas e distorções, minimizam grandemente as perdas do sinal de áudio, e oferecem um melhor acoplamento.

A eficiência é grandemente aumentada e, para uma dada indutância, os transformadores toroidais necessitam de menos contagem de voltas, o que permite a utilização de fio mais grosso.

Isso reduz grandemente a resistência do cobre e as perdas associadas a ruído e efeito de carga. Outra característica importante é que não necessitam de blindagem em Mu-metal.

Portanto, se os transformadores toroidais são tão fantásticos, porque é que mais ninguém os fabrica para aplicações de áudio?

Em geral, a resposta é muito simples - isto é, porque são muito mais caros de enrolar e produzir.

 

Qualidade Greenbox

Nosso principal objetivo não é um baixo custo, mas sim qualidade.

Escolhemos os transformadores toroidais devido à sua sonoridade incomparável, baixas distorções, e maior impressão do 3D sonoro.

Seu corpo é confeccionado 100% em aço inox 304.

A impressão da simbologia no corpo do Velvet 1549 é feita na Greenbox com uma máquina de gravação eletroquímica, no qual resulta em alta precisão e acabamento.

O Microfone de fita Velvet 1549 é fabricado manualmente com rigorosos critérios de qualidade.

 

Microfone de Fita: O que é?

Entenda melhor o que é o microfone de fita e quando usar.

 

História do microfone de fita

Na Década de 1920 a transmissão de rádio já era uma das principais fontes de notícias e entretenimento ao redor do mundo e, por conta disso, a demanda por uma tecnologia de microfone aprimorada cresceu. Em detrimento disto, a RCA (Radio Corporation of America) desenvolveu o primeiro microfone de fita da história, o PB-31/PB-37, sendo uma solução para os microfones dinâmicos convencionais que eram muito “duros” para captar o som.

 

Funcionalidade

Muito similar a um microfone dinâmico, o microfone de fita ao invés de uma bobina metálica e do diafragma, conta com uma fita sanfonada entre dois imãs que desestabiliza o campo magnético.

A fita é feita de um material muito mais leve, que pode ser alumínio, duralumínio ou nanofilme.

No caso do Microfone de Fita Velvet 1549, o material é alumínio puro.

Sendo estes metais leves excelentes condutores.

 

Frequência do Microfone de Fita

A resposta em frequência desse tipo de microfone é extensa, muitas vezes é até melhor que um microfone condensador.

Seu equilíbrio entre as frequências faz com que o microfone de fita possa ser aplicado em inúmeras situações.

As frequências são determinadas pela qualidade da fita, imã, transformador de áudio e na construção do microfone.

Não existe limite de aplicação quando se trata de um microfone de fita bem construído.

 

Aplicações para o Microfone de Fita no Estúdio

Não é de hoje que os microfones de fita são muito utilizados nos estúdios de gravação.

Por ter uma resposta muito ampla e suave pode ser aplicado em vocais, violões e tantos outros instrumentos de corda.

Também é amplamente utilizado para microfonar gabinetes de guitarra e baixo.

Outra grande utilidade dentro do estúdio é para captar bateria em inúmeras situações, seja em overhead, room (mono e stereo) ou em outros posicionamentos de sala e peças da bateria.

 

Dicas de uso

O microfone de fita Velvet 1549 está na classe de low gain (ganho baixo), portanto é adequado para volumes mais altos de som como guitarras e instrumentos de sopro.

Para garantir uma boa captação de violões e voz, por exemplo, recomendamos um ganho no seu pré-amplificador de 40dB ou mais.

O Microfone de fita Velvet 1549 não utiliza Phantom Power (48V). Não recomendamos deixar ligado o phantom power durante a utilização do nosso microfone de fita Velvet 1549.

 

Cuidados

Construimos nossos microfones para durarem o máximo de tempo possível.

Ao armazenar, mantenha dentro do case na posição vertical.
Isso garantirá uma maior durabilidade da fita ao longo dos anos.


Utilize o pop filter para gravar vocais. O filtro faz com que sopros de vento não estraguem a fita.

Para gravar bumbo de bateria, recomendamos posicionar o microfone na posição 45 graus e também usar o pop filter.

Não é recomendado colocar o Microfone de Fita Velvet 1549 diretamente na saída de ar do bumbo.

 

Itens Inclusos

Microfone Velvet 1549, Case de Cedro Africano, Shockmount, Manual de Instruções, Termo de Garantia.

 

ESPECIFICAÇÕES

Passivo Não necessita uso de Phantom Power
Padrão de captação (Polarity) Bidirecional (Figure 8)
Transformer 1/37 - Núcleo Toroidal Nano-Cristalino
Max SPL 135dB
Ímãs Neodymium 3420 Gauss
Frequency Response 20Hz to 20khz (+/- 2dB)
Out Impedance 300Ω @ 1k nominal
Ribbon Pure Aluminum 99,9% (Japan)
Ribbon Thickness 2.5µ (micra)
Connector XLR Neutrik (Liechtenstein)
Dimensions Diameter ø 38.1mm / Lenght 195mm
Mic Body / Corpo do Microfone Aço Inox 304 - Polido Manualmente
Peso 265 gramas (sem shockmount)

Produtos relacionados

R$ 7.409,90
até 10x de R$ 740,99 sem juros
ou R$ 6.891,21 via Pix
COMPRAR Estoque: 10 dias úteis
Pague com
  • Pagali
  • Pix
Selos

GREENBOX PRO AUDIO - CNPJ: 24.576.786/0001-58 © Todos os direitos reservados. 2022

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência em nosso site. Para saber mais acesse nossa página de Política de Privacidade